- Clique na imagem para ampliá-la -



Estragão

Detalhes:

(Artemisia dracunculus)

 

Origem: Ásia Central.

Características: Planta de cor verde-escura, com talo e folhas estreitas se dividindo em três pontas. Não forma flores. Devem se diferenciar dois tipos de estragão: o verdadeiro (ou francês) e o falso (ou russo). O verdadeiro estragão provavelmente se originou do estragão russo por um "acidente" genético, tendo seu aroma realçado, mas perdendo a função de formar sementes. Assim, o verdadeiro estragão não pode ser cultivado por meio de sementes, o que torna sua produção mais difícil. Fisicamente há pouca diferença entre eles, apenas as folhas do verdadeiro são mais escuras e lustrosas. O estragão falso tem sabor de mato, por isso não tem lugar na cozinha. No Brasil, somente a ERVAS FINAS está comercializando o estragão fresco verdadeiro.



História
Os primeiros registros de sua utilização vêm da China, cerca de 2.000 a.C. Mais tarde, foi introduzido na cozinha dos árabes e levado por eles à Europa. Ficou muito difundido na cozinha francesa, onde faz parte, junto com o cerefólio, a salsa e a cebolinha, da mistura fines herbes.


Uso culinário
O estragão é uma erva de grande importância na cozinha. Ele tem um aroma bem forte e específico, com um leve sabor de anis. O estragão dá muito sabor em carnes fortes como as de cabrito e carneiro. Pode ser usado também em saladas, picles, vinagrete, molhos, tomates e vinagres. Devido ao seu aroma de anis, combina ainda em sobremesas feitas, por exemplo, de maçã.


Uso terapêutico
Alivia a cólica menstrual.


Embalagem:



R$ 34,20

*econ: Econômico
*hig: Higienezada
*Cx: Caixa
*Bj: Bandeja
*Sc: Saco
Copyright © Ervas Finas Horticultura - 2010 - 2014 - Todos os direitos reservados.
Estr. Aksel Ernits, 4015 - Campo Limpo Paulista - SP - (11) 4039-1054
Validado  XHTML  e  CSS